top of page
Buscar
  • Foto do escritorDavi Nogueira

Jardim florido: inspirações e dicas para ter um em casa

Confira sugestões sobre como planejar e ornamentar a área gourmet com piscina da sua residência. Seja para convidar amigos para um espaço exclusivo em sua casa ou para realizar o clássico churrasco em família, a criação de uma área gourmet com piscina se revela como a opção ideal durante a construção ou renovação. Desse modo, é possível estabelecer um ambiente de lazer dos sonhos, perfeitamente adequado ao seu lar.


Você pode configurar esse espaço incorporando elementos como churrasqueira, paisagismo e mobiliário confortável, o que contribuirá para a valorização do seu imóvel. Com o intuito de auxiliá-lo na concepção da sua área gourmet com piscina, apresentamos algumas sugestões de decoração.


Esta quaresmeira florida emoldura a paisagem do Museu e Jardim Botânico Inhotim; a espécie não é indicada para pequenos jardins, mas inspira composições únicas (Foto: Eduardo França / Unsplash)


A beleza de um jardim repleto de flores é indiscutível, concorda? Esse cenário confere um toque de sofisticação e acolhimento, estabelecendo uma reconexão com a natureza e transformando a interação com o espaço.


Dentro de casa, é possível conferir ao ambiente a atmosfera de um cenário encantador ou de um refúgio pessoal, e não faltam fontes de inspiração para alcançar esse efeito.

As influências podem ser encontradas nos exuberantes jardins dos palácios e castelos franceses e ingleses, assim como nos deslumbrantes jardins botânicos brasileiros, como os do Rio de Janeiro, Curitiba e o notável Museu Inhotim, em Minas Gerais.


É verdade que esses são jardins de proporções imponentes, no entanto, nada impede que nos inspiremos neles para criar composições igualmente encantadoras em nossos jardins residenciais.

A seguir, apresentamos algumas ideias inspiradoras e dicas para ajudá-lo a conceber e manter o seu próprio jardim florido.


É possível criar um oásis particular incluindo um jardim florido no seu projeto paisagístico (Projeto: Alexandre Marques/ Foto: Matheus Moura)


Planejar um jardim florido envolve cuidados específicos para garantir uma composição harmoniosa e de fácil manutenção. Se a contratação de um profissional de paisagismo não estiver nos planos, considere os seguintes passos ao planejar e executar seu jardim:


  1. Delimitação e Medidas:

  • Defina e meça o espaço destinado ao jardim. Isso ajudará na distribuição das plantas e na escolha adequada das espécies.

  1. Exposição Solar:

  • Observe as áreas que recebem luz solar direta e aquelas que são mais sombreadas. Isso influenciará na escolha das plantas, pois algumas flores preferem mais sol, enquanto outras prosperam em ambientes mais sombreados.

  1. Período de Floração:

  • Conheça o período de floração de cada espécie que pretende incluir. Combine plantas com diferentes ciclos de floração para garantir que seu jardim esteja colorido ao longo de todo o ano.

  1. Planejamento de Manutenção:

  • Antecipe-se às necessidades de manutenção, levando em consideração as demandas específicas de cada planta escolhida. Algumas podem exigir podas regulares, enquanto outras necessitam de adubações específicas. Organize um cronograma de cuidados.

Escolha das Flores:

Na seleção das flores para o seu jardim florido:


  1. Diversidade de Floração:

  • Opte por espécies com períodos de floração distintos ao longo do ano. Combine flores que desabrocham em diferentes estações para manter a beleza do jardim ininterruptamente.

  1. Ciclos de Manutenção:

  • Considere as características de manutenção de cada planta. Escolha flores que se alinhem com sua capacidade de cuidado, para manter um jardim sempre saudável.

  1. Respeito às Necessidades Específicas:

  • Esteja ciente das necessidades específicas de cada espécie, como rega, poda e adubação. Respeitar esses requisitos contribuirá para um jardim florido e exuberante.


Ao seguir essas orientações, você estará mais preparado para criar e manter um jardim florido que encante em todas as estações do ano.


Separamos a seguir algumas espécies de flores para ajudar na sua escolha. Cada planta selecionada contribuirá para uma experiência única de texturas, cores e fragrâncias no seu jardim:  


1. Agapanto


Neste projeto, a Agapanto aparece em tons de roxo, compondo um jardim lateral à piscina (Projeto: Luan Dalsasso)


  1. Agapanto: O agapanto, popular no Brasil graças aos projetos de paisagismo de Burle Marx, é uma planta ornamental de fácil manutenção que prospera sob luz solar direta. Ideal para ambientes externos, sua floração se inicia entre o final da primavera e o começo do verão.

  2. Clúsia: A Clúsia, nativa do Brasil, destaca-se por sua altura impressionante, podendo atingir seis metros. Suas folhas verdes escuras e rígidas contrastam com pequenas flores brancas. Adaptável a sol pleno ou meia-sombra, essa espécie floresce da primavera ao verão.

  3. Moreia: Originária da África do Sul e introduzida no Brasil na década de 1940, a moreia é uma planta resistente e de baixa manutenção, recomendada para áreas externas. Adapta-se bem a locais com insolação constante, e oferece a opção de combinar variedades brancas e amarelas. As moreias brancas florescem no outono e inverno, enquanto as amarelas exibem sua beleza na primavera e verão.


4. Mussaenda Rosa

Este jardim tem as flores de mussaendras e a madeira como protagonistas, criando um clima de conexão com a natureza (Projeto: Flávio Machado)


4. Mussaenda: A mussaenda, originária dos continentes africano e asiático, é uma pequena árvore que pode atingir até dois metros de altura. Suas encantadoras flores em tons de rosa transformam qualquer jardim em uma experiência vibrante. Com período de floração entre o verão e a primavera, em climas quentes, ela pode apresentar flores ao longo do ano. A mussaenda aprecia luz solar direta, sendo de fácil cuidado e uma escolha popular para jardins floridos.


5. Maria-sem-vergonha: Também conhecida como beijinho, a Maria-sem-vergonha é nativa da África Oriental e proporciona um jardim florido durante todo o ano. Adaptável a sol pleno e solo úmido, ela é ideal para vasos e ambientes externos. Suas flores em tons de rosa, vermelho, roxo e branco não apenas são atraentes visualmente, mas também são comestíveis, podendo ser utilizadas em saladas, geleias e para finalizar pratos de maneira encantadora.


6. Amor Perfeito: O Amor Perfeito é uma planta com flores supercoloridas que prefere sol pleno ou meia sombra. Geralmente, adapta-se melhor a climas mais amenos, florescendo o ano todo em climas frios e apenas nos meses mais frios em climas mais quentes. Com uma ampla variedade de cores disponíveis, o Amor Perfeito é uma excelente opção para jardins floridos.


7. Ipoméia-rubra: A Ipoméia-rubra, com seu período de floração da primavera ao outono, exibe uma profusão de flores em tons vibrantes. Apreciando áreas ensolaradas e exigindo luz direta do sol, esta planta floresce bem em diferentes climas. Sua versatilidade e atratividade a tornam uma opção encantadora para jardins floridos.


8. Flor de Coral

A Flor de Coral se comporta bem em vasos, que permitem maior movimentação e mudanças estratégicas; neste jardim ela ganha destaque em contraste com o gramado verde (Projeto: Lúcia Facchinetti)


Por fim, apresentamos a flor de coral como uma opção sofisticada para enriquecer o seu jardim florido. Esta flor aprecia a exposição direta ao sol, proporcionando um espetáculo de cores vibrantes. Seu período de maior floração ocorre durante a primavera e o verão.


Ao criar um jardim florido, você não apenas embeleza o ambiente, mas também transforma a sua residência em um verdadeiro refúgio. Um planejamento cuidadoso, considerando os ciclos de floração e as necessidades de poda e adubação, é a chave para manter um jardim exuberante. Dessa forma, você poderá desfrutar de espaços harmoniosos que trazem a natureza para dentro de casa.



Gostou das dicas? Não se esqueça de compartilhar nosso conteúdo :)

Até a próxima!

Comentarios


bottom of page