top of page
Buscar
  • Foto do escritorDavi Nogueira

Decoração de sala pequena: dicas para decorar espaços reduzidos

A sala de estar é um dos principais ambientes da casa, onde se desfruta de filmes no sofá, relaxa ou recebe amigos e familiares. Sua decoração pode definir o estilo dos demais espaços. No entanto, decorar uma sala pequena apresenta desafios, como a limitação de espaço. É crucial buscar estratégias eficazes para transformá-la em um ambiente acolhedor e cheio de personalidade.


Atualmente, a busca por imóveis menores é uma tendência. Entretanto, é um equívoco pensar que uma sala pequena não pode ser bela e funcional. Seja adotando um estilo maximalista ou minimalista, há técnicas e dicas de decoração que podem ser aplicadas para destacar qualquer espaço pequeno como o ponto focal do lar.

Para ajudar na decoração da sua sala pequena, a equipe da Pastilhacor preparou algumas dicas úteis.


Por onde começar a decoração de salas pequenas?

Salas pequenas costumam ser integradas a outros ambientes, e nesses casos, a decoração é fundamental para que os ambientes conversem entre si (Projeto: Juliana Faria)


Antes de começar a decorar uma sala pequena, é fundamental obter medidas precisas do espaço, incluindo detalhes sobre a altura do teto. Ao ter as dimensões exatas em mãos, torna-se mais simples elaborar um plano abrangente para a decoração.


Utilize uma fita métrica para fazer as medições e registre-as em um papel. Não hesite em esboçar rapidamente um diagrama para destacar elementos importantes, como paredes, portas e janelas. Esse passo inicial servirá como base para o seu projeto de design de interiores.


Escolha o estilo de decoração 

A escolha do estilo para a decoração de uma sala pequena é de extrema importância, pois influencia no design do restante da casa (Projeto: Fernanda Hoffmann)



Agora que você possui todas as informações sobre as medidas do seu projeto, é hora de decidir qual estilo de decoração para sala pequena você deseja seguir.


Independentemente de ser um ambiente com conceito integrado ou fechado, é crucial definir um estilo (ou até mais de um, para os maximalistas) para orientar a escolha de móveis, cores e acessórios decorativos que comporão sua sala pequena decorada.

Selecionamos diversos estilos de decoração para inspirar você a escolher a temática que mais se adequa ao seu gosto pessoal e ao contexto geral da decoração do seu lar.


Aqui estão alguns estilos de decoração comuns que podem despertar seu interesse:


  1. Minimalista: Caracterizado por cores neutras e tons suaves, poucos móveis e decorações, enfatizando a funcionalidade e a simplicidade.

  2. Vintage: Ideal para quem aprecia ambientes com história e significado, este estilo incorpora móveis e acessórios retrô, muitas vezes peças antigas ou de segunda mão, com uma paleta de cores suave.

  3. Boho (Boêmio): Apostando em mix de texturas e padrões, este estilo inclui estampas étnicas, elementos artesanais e cores vibrantes para uma decoração ousada e cheia de personalidade.

  4. Industrial: Populare nos últimos anos, utiliza materiais brutos como metal e concreto, com iluminação exposta e móveis robustos, criando uma estética urbana e contemporânea.

  5. Clássico: Caracterizado por elegância e sofisticação, envolve o uso de móveis antigos ou reproduções clássicas com disposições simétricas e uma paleta de cores claras.

  6. Art Déco: Glamoroso e luxuoso, este estilo emprega materiais nobres como mármore e metais cromados, com peças e estampas geométricas e toques de dourado, criando uma atmosfera artística e sofisticada.

Estes são apenas alguns dos muitos estilos de decoração disponíveis para salas pequenas. Além disso, eles podem se sobrepor e ser adaptados, permitindo a criação de ambientes únicos que refletem sua personalidade.


Acerte no mobiliário

Na decoração de sala pequena a escolha dos móveis deve ser pensada para garantir o máximo de aproveitamento do espaço e manter a circulação confortável (Projeto: Ariane Rosa Arquitetura e Design)


Com as medidas e o estilo escolhido em mãos, é hora de selecionar os móveis e objetos decorativos que vão compor o ambiente.


O ponto central desta decoração será o sofá, um elemento que frequentemente domina a maior parte do espaço. A escolha do sofá deve ser feita com cautela, levando em consideração não apenas o número de moradores na casa, mas também a frequência de visitas e outros fatores que podem influenciar na utilidade do ambiente e do móvel.


Além do sofá, a disposição da televisão também merece atenção. Em espaços mais compactos, fixá-la diretamente na parede pode ser mais interessante do que utilizar um rack ou aparador. Investir em pequenas prateleiras de apoio, disponíveis em diferentes tamanhos, pode ser uma excelente solução complementar.


Dependendo do tamanho da sala, pode ser inviável incluir uma mesa grande. Nesse caso, uma alternativa são as pequenas mesas laterais, que podem ser facilmente transportadas e encaixadas entre os móveis, servindo como apoio.


Se você deseja uma mesa que acomode mais pessoas, mesmo com pouco espaço disponível, é válido considerar modelos retráteis ou aqueles com alavancas que podem ser fechados quando não estão em uso.


Dessa forma, você pode otimizar a sua decoração sem comprometer o espaço no dia a dia.


Itens decorativos e iluminação são essenciais 

Tapetes e almofadas proporcionam mais aconchego à sua sala (Projeto: Fernanda Brandão Medeiros Brandão Medeiros)



Os itens decorativos essenciais para salas pequenas, como cortinas, tapetes e almofadas, desempenham um papel estratégico ao proporcionar um ambiente mais aconchegante e confortável.


As cortinas devem estar em harmonia com o tamanho das janelas, sendo preferível instalá-las de modo a cobrir do piso ao teto para criar uma sensação de amplitude no pé direito.

Na escolha do tapete, é fundamental considerar o espaço total da sala e a disposição dos móveis. O ideal é que o tapete ultrapasse aproximadamente dez centímetros dos móveis que estiverem em contato com ele, garantindo uma aparência harmoniosa.


Além disso, os modelos de luminárias selecionados para compor a decoração também merecem atenção. Se você busca criar diferentes atmosferas por meio da iluminação, pendentes e arandelas são excelentes opções. Em espaços reduzidos, onde não é viável instalar uma luminária de piso, essas alternativas auxiliam na criação de uma iluminação suave, sem

comprometer as áreas de circulação


O uso de espelho é um grande aliado 

O uso de espelhos causa a sensação de amplitude em sala pequenas (Projeto: Victor Romansini)


Por último, mas de importância crucial, um elemento essencial para ampliar visualmente as salas pequenas decoradas é o uso de espelhos.


Você pode instalá-los em uma parede inteira para criar uma sensação de expansão ou, como uma alternativa mais econômica, optar por um painel de espelho em metade da parede e posicionar um móvel, como um aparador ou até mesmo o sofá, para ocultar a outra metade.


Outra ideia interessante é utilizar espelhos como parte do painel de televisão. Dessa forma, a parede atrás da televisão será preenchida, conferindo uma sensação de amplitude ao ambiente. No entanto, é essencial lembrar-se de ter cuidado com o que será refletido, para evitar reflexos indesejados.


Se você busca mais luminosidade e sensação de espaço em salas pequenas, os espelhos são um excelente investimento.


Explore sua criatividade e, acima de tudo, mantenha-se fiel ao seu estilo e gosto pessoal ao escolher a decoração para uma sala pequena. Este é um espaço destinado a momentos agradáveis, seja desfrutando da sua própria companhia, da família ou dos amigos, e ele certamente refletirá sua personalidade.



Gostou das dicas? Não se esqueça de compartilhar nosso conteúdo :)

Até a próxima!

Commentaires


bottom of page